Noticia

Os 12 melhores episódios de How i Met Your Mother

Há quem diga que How i Met Your Mother era genial nas primeiras temporadas, mas depois de um tempo perdeu um pouco do seu “brilho”. Sendo essa afirmação verdade ou não, é inegável que a série apresenta vários episódios memoráveis e que marcaram os fãs, e que merecem ser lembrados.

Selecionamos 12 episódios dos 208 já exibidos. Foi algo difícil de se fazer, e por serem tão poucos, muitos acabaram não entrando nessa lista. Mas fique tranquilo, caso sinta falta de algum, ele provavelmente chegou a ser considerado. Enfim, sem mais enrolações, aqui está a lista:

– POSSÍVEIS SPOILERS PARA QUEM NÃO FINALIZOU A SÉRIE-

  • 1×01 – Pilot
    robin-tedDesde o piloto, a série foi capaz de mostrar com perfeição a sua proposta e estabelecer regras que seriam utilizadas ao longo das demais temporada. O Ted percebe o quanto ele quer um relacionamento sério após o noivado dos seus melhores amigos e inicia uma jornada para encontrar a Sra. Mosby, a futura mãe de seus filhos. A premissa é simples, mas muito bem executada. Devido a isso, o primeiro episódio não poderia ficar de fora.
  • 1×10 – The Pinneaple Incident
    Esse abacaxi, de onde surgiu?
    Esse abacaxi, de onde surgiu?

    Como pode acabar uma noite em que Ted resolve tomar cinco shots de Red Dragon?
    No excelente episódio Ted topa o desafio de Barney ao encarar cinco shots da bebida criada pelo bartender do Mc Laren’s (que de acordo com Marshall é um vampiro) para poder mostrar que nem sempre suas decisões de vida são cuidadosamente pensadas. Ted acorda no dia seguinte ao lado de uma mulher misteriosa e de…um abacaxi. É claro que todos querem relembrar o que aconteceu e por isto, vão conectando os pontos da noite do arquiteto vistos por Lily, Marshall, Barney, Robin, o bartender e a tal mulher. O episódio conta com vários pontos altos: Ted bêbado (um sucesso, qualquer cena fica hilária com ele neste estado), Barney e sua cantada “Daddy is Home”, a bem bolada cena do karaokê (com a música Voices de Cheap Trick, que embala o plot de Ted e Robin por todo o episódio), o fato que o arquiteto está “vomit free since 93” e a descoberta que a garota na cama não é Robin e sim Trudy. No fim de tudo, a construção e desenvolvimento deste episódio foi de longe muito bem feita e considerado por mim, um dos episódios mais engraçados da série.

  • 2×09 – Slap Bet
    robin-sparkles1
    Quando Barney convida a todos para uma festa e Robin descobre que é em um shopping, por algum motivo se recusa a ir, o que faz Ted se interessar pelo seu passado. Então começam as apostas sobre o porquê da canadense ter tanta aversão a shoppings. Barney pra variar, acha que Robin não gosta porque fez um filme pornô em algum, já Marshall acredita que Robin casou-se em um shopping. Então começam as apostas pra ver quem está certo e errado e decidem que isso será feito na aposta maior, a aposta do tapa, ou slap bet. Quem ganhar tem o poder de estapear o outro no rosto o mais forte que puder. Lily se torna a juíza da brincadeira. Robin conta ao namorado que se casou no shopping, fazendo Barney ser estapeado por Marshall, que descobre que Robin nunca foi casada, levando três tapas de uma única vez. E é nesse momento que o mulherengo recebe uma ligação e corre para o apartamento dos amigos, alegando saber o segredo de Robin, também conhecida como Robin Sparkles. Certo de que aquilo era um filme pornô, Barney estapeia Marshall mais uma vez, e Robin diz para não ter se precipitado, pois o vídeo era muito mais embaraçoso que pornô. Robin Sparkles era na verdade uma popstaradolescente do Canadá. Nisso Marshall percebe que sofreu “estapeamento precoce” e ganha cinco tapas para dar em Barney a qualquer momento de suas vidas, e é aí que nasce duas grandes partes da mitologia da série, a carreira de Robin Sparkles e The Slap Bet.
  • 2×16 – The Stuff
    2x16-stuff-how-i-met-your-mother-5234761-500-276
    Em Stuff, o casal Ted e Robin enfrenta um problema comum em qualquer relacionamento de pessoas de vinte e alguns anos: como lidar com o passado do seu atual amor? O início do episódio, com Ted dando várias gafes ao colocar Robin em situações que na verdade ele tinha vivido com namoradas anteriores, é extremamente divertido, principalmente para aqueles que já passaram por casos parecidos. Mas, embora esta trama seja engraçada e importante no episódio, é a parte envolvendo Lily e Barney que rouba a cena e o torna inesquecível. Após assistir uma peça teatral de Lily e ser repreendido por ter sido o único que foi sincero e demonstrou o quanto a experiência tinha sido ruim, Barney decide pagar na mesma moeda. Assim, ele cria o monólogo Suck it, Lily com o objetivo de irritar a amiga (por exemplo, uma parte consistia na repetição da palavra moist – hidratar em inglês – por 40 minutos, para o terror de Lily) e fazê-la admitir que tem coisas que não conseguimos suportar, nem para agradar nossos amigos. No final, embora Barney vença a discussão, sua vitória acaba perdendo o brilho quando Marshall decide usar o segundo tapa da aposta para encerrar a apresentação torturante. O que para Barney foi um fim de episódio amargo, para nós foi a conclusão perfeita de um dos episódios mais engraçados de toda a série.
  • 3×08 – Spoiler Alert
    himym-3x08Spoiler Alert começa com o Ted apresentando sua mais nova namorada para seus amigos. Depois do jantar não sair do jeito que ele esperava, Ted percebe que tem algo de errado com Cathy, ele só não sabe o que. Após muito Insistir, Marshall conta ao Ted o problema de sua nova namorada: ela fala demais. E é nesse momento que toda a ilusão que Ted construiu em volta de Cathy é quebrada (com direito ao som de vidro quebrado ao fundo). Com o desenrolar do episódio ( e ao som de muito vidro quebrando) vamos descobrindo os defeitos do grupo, Lily mastiga muito alto, Ted sempre corrige as pessoas, Marshall não para de cantar, Robin usa “literalmente” errado e Barney de vez em quando fala num tom mais alto que sua voz, usa expressões cafonas e para de ouvir a conversa. E quando estão todos brigando, Robin canta uma música nonsense que Marshall cantou durante alguns dias, que é na verdade a senha, que ele não lembrava, necessária para saber se ele foi aprovado no exame que lhe permite ser advogado. E de uma hora para outra, todos os amigos esquecem os defeitos irritantes dos outros para celebrarem (no bar) o mais novo advogado de Nova York.
  • 3×09 – Slapsgiving
    vlcsnap-2559-02-23-14h50m52s151O nono episódio da 3ª temporada começou no episódio 3×01, quando Marshall envia para Barney um site com um cronometro que terminaria no dia de thanksgiving, quando Barney levaria o terceiro tapa da slapbet. A contagem regressiva deixa Barney aterrorizado durante todo o episódio e para piorar a situação do amigo, Marshall insiste em trocar a palavra “thanksgiving” por “slapgiving” (dando tapas, em tradução livre). Paralelamente, Ted e Robin estão tendo dificuldades em serem amigos após o termino do namoro. Depois de ficarem sozinhos, brigarem e fazerem sexo, eles percebem não podem ser mais colegas. Durante o jantar, eles, num reflexo, fazem uma brincadeira que eles faziam quando namoravam, onde toda vez que se falasse algo relacionado a alguma patente de exército, eles deveriam bater continência, e, ao fazer isso sem pensar, eles percebem que podem sim continuar amigos mesmo depois de terem terminado. Ao final do jantar Lily proíbe Marshall de dar o tapa em Barney para não estragar a festa, mas como Barney insiste em debochar de Marshall depois da proibição, Lily permite o tapa e Marshall passa a dar dois tapas da aposta. E pra terminar, todos cantam a música que Marshall fez pra ocasião: “You Just Got Slapped” (você acabou de levar um tapa).
  • 4×24 – The Leap
    vlcsnap-8631-06-11-18h05m49s295
    O episódio “The Leap” fecha uma 4ª temporada irregular de How I Met Your Mother, que destoa das três primeiras, que alavancaram a série como uma das comédias mais vistas na TV americana. Como não lembrar da festa de 31 anos de Ted, no eterno terraço de seu prédio, em que ele duela com a cabra adotada por Lily? O arquiteto tomou uma surra do animal e foi parar no hospital onde, obviamente, foi ironizado pela equipe médica e amigos. Neste mesmo episódio vemos Marshall e sua luta para saltar de um terraço para o outro, em vários momentos da vida. Ele só desiste porque Lily diz que estava grávida (e na verdade não estava). Outro plot importante é o início do relacionamento de Barney e Robin (após o primeiro ter conseguido a benção de Ted com uma estranha analogia entre a canadense e ternos): a cena das trocas de declarações de amor, ódio e amizade, culminando no tão aguardado beijo do casal é hilária. O episódio termina Ted concluindo que seu duro ano (largado no altar, brigando com um bartender, demitido e encarando uma briga com uma cabra), que na verdade foi o melhor ano da sua vida. Todos, juntos com Marshall, saltam para o terraço vizinho, e celebram a sua boa e longa amizade.
  • 5×08 – The Playbook

    Neste episódio Barney e Robin encaram a dura realidade do término de seu breve relacionamento, só que de maneiras muito diferentes. Robin se entrega ao trabalho, e diz não estar focada em um novo relacionamento (o que, de acordo com Marshall e Ted, quer dizer que ela logo vai se apaixonar perdidamente por alguém) e Barney volta a ser Barney, porém renovado por um guia chamado Playbook. O livro, criado pelo próprio Stinson, contém diversas (e divertidíssimas) cantadas para conseguir levar uma mulher para a cama. O episódio coroa uma inspirada e excelente interpretação de Neil Patrick Harris, ao passar de cantada para cantada, tornando a explicação do Playbook extremamente engraçada para nós (e repugnante para seus amigos). Como cantada destaque temos a “Lorenzo Von Matterhorn”, onde Barney usa seus conhecimentos tecnológicos para criar um personagem, Lorenzo, e torná-lo famoso através de websites e entrevistas falsas só para levar alguma mulher para a cama. Além dessa conhecemos também a “SNASA”, “Don’t Drink That”, “Ted Mosby” (que o próprio Ted confirma que funciona), “My Penis Grants Wishes”, “The Cheap Trick”, “He’s Not Coming” (no alto do Empire State Building) e o “The Scuba Diver”. Este último é aplicado com maestria por Barney, manipulando todos os seus amigos, especialmente Lily, que tenta proibi-lo de executar mais alguma cantada do Playbook, e utilizando a carta do fim de relacionamento com Robin para levar mais uma mulher para a cama. O episódio gira em torno das conquistas de Barney, mas termina mostrando que Robin também está superando o fim do relacionamento com o womanizer ao conhecer Don, seu novo colega de trabalho.
  • 6×04 – Subway Wars
    Depois de alguns minutos de discussão no Mac Laren’s, o grupo decide apostar uma corrida até o outro lado da cidade para ver qual o meio de chegar mais rápido. Cada um tinha seus motivos para ganhar:  Lily não conseguia engravidar, Marshall queria ganhar sua “batalha” contra as máquinas, Robin está tentando superar seu namoro com Don (e também havia perdido seu “espaço” no emprego), Ted tenta provar que não é chato, e Barney só queria ser awesome. Todos chegaram no lugar ao mesmo tempo, então decidem apostar a corrida voltando ao ponto de origem. Nesse tempo, todos os problemas se resolvem e Barney deixa Robin ganhar apenas para ver ela sorrir. Além disso, a canadense descobre que não é tão novaiorquina quanto pensava, pois não havia chorado no metrô, roubado o táxi de outro pessoa que precisasse mais, matado uma barata com as mãos ou visto Woody Allen. Entretanto, até o fim do dia, todas essas coisas serão feitas. É interessante notar que, mesmo depois de seis temporadas, How I Met Your Motherfez um episódio totalmente diferente dos outros, com um ritmo frenético, super engraçado e inesquecível.
  • 7×12 – Symphony of Illumination
    symphony-of-illumination
    How I Met Your Mother tem uma excelente característica de conseguir dosar entre o humor e o drama, e em Symphony of Illumination temos a perfeita prova disso. Foi um episódio engraçadinho, mas muito além disso, foi marcante e bastante triste, o que o torna bem especial. Começamos com Robin narrando: “Kids, have I ever told you of how I met your father?”. A primeira reação é espanto, imaginando que a canadense realmente estava grávida de Barney (o 7×11, The Rebound Girl, terminou com ela dando a notícia) e que eles teriam os bebês. Entretanto, depois de vários acontecimentos mostrados, descobrimos que Robin é infértil e os filhos que foram mostrados ao público eram imaginários. Ela não conta para ninguém do grupo a causa de sua tristeza (acredito que todos querem saber a reação do Barney perante a notícia), mas isso não impede Ted de animá-la, pois ele diz que esta é sua função.  A cena final (mostrada na foto acima) é embalada pela fantástica música “Highway to Hell”, do AC/DC. Com certeza foi um episódio inesquecível e que trouxe lágrimas a muitas pessoas.
  • 8×11/12 – The Final Page

    Esta dobradinha de episódios provavelmente é considerada um dos pontos altos de uma temporada irregular de HIMYM como foi a 8ª. Isto tudo porque, para os fãs de Barney e Robin (e mesmo para os que acreditam que ela se casaria com Ted), este é um dos melhores episódios da série, por ser um marco na história dos dois personagens (e também na vida do grupo de amigos). O fraco (mas essencial) episódio 8×11 foca na relação de Marshall e Lily com um antigo (e estranho) amigo de faculdade e em Barney sofrendo um “Jinx” dos amigos, ficando mudo até a cena final, onde confessa a Ted que vai pedir Patrice em casamento. E no 8×12, bem, você vai ter de assistir…
  • 8×24 – Something New
    something-new
    Something New é um marco na série por inúmeros motivos que não podem deixar de ser comentados. Primeiro que ele é, na verdade, o começo de tudo que desencadeará no desfecho da série – ainda mais depois de anunciada que a próxima temporada será a última. Depois, porque ele põe em cheque o destino de todos os personagens que acompanhamos durante esses oito anos de diversão. Ted, pela primeira vez na sua vida, decide tomar uma grande passo e se mudar para Chicago, já que seus amigos não estarão mais por perto e seu suposto amor está casando com o seu melhor amigo. Lily tem a grande chance de aprimorar sua carreira na Itália e, quanto tudo parece uma certeza, Marshall recebe o convite para ser juiz, um dos grandes sonhos da sua vida. Robin e Barney estão se casando, o que muda completamente a vida dos personagens e, por mais que essa mudança venha acontecendo de maneira progressiva na série, com certeza terá mais implicações do que podemos imaginar pela frente. Tudo novo, como o título do episódio enuncia. E, para fechar com chave de ouro, a maior das revelações que poderia ser feita na série acontece nos últimos segundos: conhecemos o rosto da Sra. Mosby. A perspectiva que fica é de que tudo pode acontecer nesse longo final de semana que será o casamento de Robin e Barney e nós mal podemos esperar para acompanhar tudo isso daqui para frente.

Menções Honrosas: 1×22-Come On, 2×07Swarley, 3×13Ten Sessions5×04The Sexless Innkeeper, 5×17Of Course, 6×13Bad News, 6×19Legendaddy, 7×10Tick Tick Tick…, 7×17No Pressure, 8×15P.S. I Love You, 8×20Time Travelers.